quarta-feira, 4 de maio de 2011

Rouxinol.

Não importa se aliança ou não.
Se for ou se fica.
Eu te amo, eu te quero.
Eu te abraço e te espero.
É meu luar e meu sol
Minha estrela, meu rouxinol.
E sem mim, o que farás?
O meu coração é teu lugar.
Teu amor me faz sonhar.
Sinto-me leve como o ar
A culpa é sua. Por que me conquistou?
Eu me apaixonei. Você se apaixonou.

Um comentário: