quinta-feira, 26 de maio de 2011

Vazio


Nada mais do que sinto.
Nada me serve agora,
Nem raiva, nem paz
Só o tempo que passa lento...
E um vazio profundo na alma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário